Jornalismo com criatividade, qualidade e simplicidade.

Uma pequena — mas muito necessária — apresentação deste blog, o Avião e Cia

Corria o ano de 1972, quando meu pai fez uma assinatura do Jornal do Brasil, eleito por todos o melhor diário já produzido no País, e infelizmente já desaparecido. Nos seus cadernos, ao lado das colunas de Castelo Branco, Carlos Drummond de Andrade, José Carlos Oliveira e outras estrelas de primeira grandeza da nossa imprensa, havia também um pequeno espaço dedicado ao mundo da aviação, este publicado semanalmente.

Não recordo o responsável pelo mesmo e acho que o título era Aviação & Cia. — ou algo próximo. Assim, passei a me interessar por aquele interessante assunto. No final daquela década, entraram na minha vida de leitor Veja e Exame, preferências mantida até os dias atuais. Estas duas revistas, de vez em quando, trazem matérias sobre o tema. A primeira, trata pela ótica do usuário; a segunda, inclui a perspectiva da grande indústria.

Há cerca de duas décadas, tive o prazer de conhecer o jornalista Hélcio Estrela, com grande bagagem na imprensa do eixo Rio de Janeiro e São Paulo. Ele era proprietário e editor de uma publicação voltada àquele segmento: a Aviação em Revista. E incluiu meu nome e enderenço no mailing do veículo. Assim, de dois em dois meses, passei a receber um exemplar em minha casa. E retomei meu contato com textos especializados.

Infelizmente, a circulação da Aviação em Revista foi interrompida. Cheguei a conversar com o Hélcio Estrela sobre a possibilidade de nos associarmos para retomar as edições, mas desanimei ao tomar ciência das dificuldades a serem enfrentadas. A ideia arrefeceu, mas não morreu. De vez em quando, principalmente quando me deslocava de um ponto a outro do País, voltava a vontade de ter um espaço me ligando de vez àquele universo.

Em março de 2013, fechei um contrato para cuidar da confecção de um livro sobre os 75 anos do Aeroclube do Espírito Santo. Atuando como revisor e editor, auxiliei o autor do trabalho, o senhor Alfredo César da Silva, o mais antigo associado daquela entidade, e ainda atuante na mesma, a produzir o conteúdo em texto. Fiz também a editoração e a diagramação do miolo, distribuindo capítulos, legendando fotos, montando as páginas.

Foram 18 meses de contato quase diário com um mundo de informações extremamente interessante. E o resultado final surpreendeu até a mim mesmo. Conseguimos gerar uma obra com uma qualidade elogiada por todos. Realmente, um sucesso! Tudo isto fez renascer com força aquele desejo de ter um espaço para divulgar informações sobre o mundo da aviação. Ele se materializa agora com o meu pequeno portal de jornalismo.

Trata-se deste blog, o Avião e Cia. É uma proposta humilde, frente aos excelentes veículos e seus congêneres na Internet já existentes. Mas será produzido com a responsabilidade e a dedicação com que busco vencer desafios. Tenho certeza de que sempre estarei mais na condição de aprender do que na de ensinar. E procurarei ser fiel à proposta de manter criatividade, qualidade e simplicidade. O tempo testemunhará do meu sucesso ou não.

Outra coisa importante a acrescentar: sempre que possível, vou incluir informações que tenham a ver com o Estado do Espírito Santo. Há diversas curiosidades merecedoras de mais divulgação. A capital, Vitória, por exemplo, tem sua história recente ligada aos mais pesados que o ar. Era ponto da trajetória dos dirigíveis. E, durante um bom tempo, recebeu hidroaviões. Isto, e outras curiosidades, ajudará a compor os futuros conteúdos.